Início      Medicina Dentária      Endodontia
 

A palavra Endodontia provém do grego e significa dentro (endo) do dente (dontia). é uma das áreas da medicina dentária, responsável pelo diagnóstico, prevenção e tratamento das doenças que afetam a polpa dentária (nervo) e os tecidos periapicais (ao redor da raíz do dente) mantendo conservação do dente em boca.

O objectivo do tratamento endodôntico não cirúrgico, vulgo “desvitalização” é proporcionar que os tecidos que circundam o dente mantenham ou recuperem o estado saudável, através da remoção da polpa dentária, conformação e desinfecção dos canais radiculares com soluções antibacterianas e selamento dos canais. Em situações onde a cárie já afetou polpa dentária, que se traduz pela típica dor aguda ou pelo abcesso dentário.

Este procedimento poderá ser realizado numa ou mais sessões, dependendo do grau de dificuldade da intervenção, após a qual deverá ser feita a restauração dentária da estrutura remanescente.

Um dente submetido a este tipo de tratamento não fica imune a novas cáries, podendo ainda surgir situações de fracasso endodôntico, tornando-se necessário o seu retardamento.